Ir para o conteúdo

7 passos para você fazer um bom currículo

0 sem comentários ainda Ninguém está seguindo este artigo ainda. 30 visualizações
5

Como conseguir fazer um currículo de qualidade? Como chamar a atenção do recrutador ou da empresa? Essas também são suas dúvidas? Então, esse artigo é para você!

A taxa de desemprego no país é assustadora e, claro, isso significa um número enorme de pessoas tentando uma chance no, cada vez mais concorrido, mercado de trabalho.

Mas, então, com tantos currículos chegando às empresas, como o seu poderá se destacar?

 

É exatamente isso que veremos nesse artigo, como criar um currículo de qualidade e que se destaque dos demais.

 

Primeiramente, é preciso considerar que o currículo é o primeiro contato com o sistema de recrutamento e seleção, por isso, acertar na elaboração é tão importante e, em alguns casos, até decisivo.

 

Preparado para criar um currículo de qualidade? Então, confira as principais dicas de como acertar em cheio no seu currículo!

1 – Escolha um modelo pronto e bem diagramado

Não esqueça que o currículo é seu primeiro contato com a empresa, precisa funcionar como seu cartão de visita, ser atrativo e, principalmente, conseguir se destacar dos demais.

Para isso, a dica é investir em modelos prontos, sem muitos enfeites, mas que mostre capricho, cuidado e organização, enfim, um currículo limpo, claro, com apenas um ou dois tipos de letra já dá conta do trabalho.

Certamente, você vai escolher um modelo que se enquadre à vaga para a qual pretende se candidatar, lembrando que, para chamar a atenção de um recrutador não é preciso enfeitar muito o currículo.

Apostar no básico é sempre a melhor opção, mas mostrando organização e capricho. Optar por um modelo mais simples, com uma boa fonte de letra, que torne a leitura agradável, é sempre o mais certeiro para se enquadrar em qualquer empresa.



2- Pesquise a empresa e a vaga para qual está se candidatando

É muito importante o recrutador perceber que você tem conhecimento sobre a empresa, ou seja, que demonstrou interesse em conhecê-la. E vale fazer o currículo direcionado à vaga e à empresa para a qual quer se candidatar, procurando destacar o que considerar mais relevante para ocupar a função de seu interesse.

3 – Coloque seus dados pessoais

Jamais minta no currículo, é fundamental que ele contenha seus dados pessoais, sua formação profissional e seus diferenciais, mas sem exageros. Mostre de que forma você poderia contribuir para a empresa. 

4 – Seja objetivo

Outra dica, é fundamental mostrar que é uma pessoa objetiva, qualidade super apreciada pelos recrutadores. Assim sendo, coloque apenas as experiências mais recentes ou as mais importantes, procurando passar suas qualidades de maneira rápida e clara.

 5 – Cuidado com erros

Enquanto alguns erros passam a impressão de que você não prestou atenção ao fazer o currículo, outros, no entanto, como gramaticais e de formatação, passam uma impressão ruim de falta de dedicação.

Deslizes gramaticais devem ser evitados a todo custo, pois podem custar a vaga, mesmo que sejam pequenos. Por isso, revise bastante antes de enviar, use um corretor ou peça ajuda, se precisar.

6 – Saiba driblar a falta de experiências profissionais

Nunca trabalhou? Tem medo que a falta de experiência atrapalhe? Pois, saiba que atualmente o mercado está mais aberto às pessoas que estão entrando para o mercado. Então, a dica é, se não tiver experiências profissionais, procurar destacar outras informações importantes, dando ênfase à sua formação, por exemplo, projetos, ideias, enfim, usar a criatividade pode ser uma boa forma de driblar a falta de experiência, demonstrando para o empregador que você pode agregar valor para a empresa.

7- Seja sucinto

Se engana quem pensa que currículos enormes são mais atrativos, na maioria das vezes, esses nem são lidos.

Acredite, para cada vaga aberta em uma empresa, um recrutador recebe centenas de currículos, assim sendo, a sobrecarga de candidatos faz com que os recrutadores sejam mais diretos e pragmáticos.

Por isso, invista em um currículo claro, sucinto e direto, do contrário, dificilmente um recrutador estará disposto a considerá-lo.

E é isso, agora é aproveitar nossas dicas, atualizar as redes sociais (acredite, elas hoje são consideradas na triagem), e... boa sorte!

 


0 sem comentários ainda

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.