Ir para o conteúdo

Comunidade

Memória da Educação na Bahia

Perfilino Neto

0 sem comentários ainda Ninguém está seguindo este artigo ainda. 145 visualizações
perfilino-neto

Perfilino Neto

Perfilino Eugênio Ferreira Neto, conhecido simplesmente como Perfilino Neto, nasceu na cidade de Juazeiro, Bahia, sendo respeitado por suas pesquisas e divulgação da cultura musical brasileira e pela sua paixão pelo Rádio. É produtor de programas de sucesso como “Memória do Rádio” e “Encontro com o Chorinho”, ambos veiculados na Rádio Educadora da Bahia FM (107.5).

É grande conhecedor de todos os estilos da música brasileira, já tendo entrevistado ou possuindo em seus arquivos os acervos depoimentos de centenas de artistas e políticos brasileiros, artistas famosos e artistas que não frequentam a grande mídia

É jornalista e radialista, tendo trabalhado nos jornais Diário de Notícias e Estado da Bahia, integrantes da rede dos Diários Associados na Bahia. Colaborou ainda com matérias sobre música popular brasileira na Tribuna da Bahia, Jornal da Bahia, Jornal da Cidade, A Tarde e Correio da Bahia. No rádio começou em 1958, como rádioescuta, na Rádio Cultura da Bahia. Foi operador, discotecário, locutor, repórter, redator, editor econômico, chefe de redação e editor de jornalismo, nas Rádios Cultura e Bahia.

No Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (Irdeb), onde se encontra desde 1981, já foi assessor especial, assessor de comunicação social, chefiou o núcleo de produção cultural, gerenciou a produção de rádio e dirigiu a Rádio Educadora Ondas Curtas. Produz e apresenta diariamente, desde 2002, das 22 às 23 horas, o programa ‘Memória do Rádio’.

Em 1993, Perfilino ganhou na China o prêmio internacional Shangai Radio Music Show, com o programa ‘Encontro com o Chorinho’ (Rádio Educadora FM). Em 1998, com ‘O Dinheiro na MPB’, programa que produzia na Rádio Cultura da Bahia AM, foi o vencedor, na Bolívia, do Concurso Latinoamericano de Programas de las Naciones Unidas para el Educación y Ciência. Do Governo do Estado da Bahia recebeu, em 22 de novembro de 2002, a Ordem do Mérito, no grau de Cavaleiro. A Câmara Municipal de Salvador outorgou-lhe a Medalha Thomé de Souza.

Dono de uma coleção formada por 52 mil LPs, Perfilino Neto é também compositor e intérprete, tendo, em 1968, gravado na CBS um compacto simples com duas músicas de sua autoria: no lado A o samba ‘Afine a Viola’ e no lado B a marchinha carnavalesca ‘Teve Catiripapo’, prefixo do programa ‘Patrulha da Cidade’, que ele produzia e apresentava na Rádio Cultura da Bahia. As duas composições foram depois incluídas no LP ‘Os Bambas do Samba’, da mesma gravadora.

 

Transcrição do depoimento (breve)

 

 


Assista o vídeo depoimento na íntegra

perfilino-neto

Depoimento em Partes

  • Em Breve

0 sem comentários ainda

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.