Ir para o conteúdo
Feed RSS

Notícias

6 pessoas seguindo este artigo.

Na mídia

0 sem comentários ainda Ninguém está seguindo este artigo ainda. 2 visualizações
Licenciado sob CC (by-nc-sa)

CSBC’2017 - Diversidade de Gênero na Computação | 04-07-2017



Participação no Women in Information Technology (WIT)

0 sem comentários ainda Ninguém está seguindo este artigo ainda. 20 visualizações
Licenciado sob CC (by-nc-sa)

Marcamos presença na décima e décima primeira edição do principal fórum brasileiro que promove discussões e aponta estratégias para aumentar a participação de mulheres em TI no Brasil, o Women in Information Technology (WIT). O WIT é um evento base do Congresso da Sociedade Brasileira de Computação.



Turmas exclusivas para mulheres do Curso de Iniciação à Programação de Computadores

0 sem comentários ainda Ninguém está seguindo este artigo ainda. 5 visualizações

A oferta de turmas do Curso de Iniciação à Programação de Computadores exclusivas para mulheres, configura-se em uma das ações do projeto. A turma exclusiva para meninas tem o intuito de atrair o público feminino por meio da promoção de uma ação de inclusão que funciona de forma similar a uma ação afirmativa, a partir do momento que atua com base no princípio da equidade. A certeza de que seus pares serão outras mulheres pode diminuir a tensão que algumas carregam pela possibilidade de serem julgadas pelos homens que hoje são maioria na área de tecnologia. Vale salientar que a didática não é diferente em turmas para meninas, mas os temas transversais durante o curso são de estímulo à participação feminina em carreiras de computação.



O panorama atual das mulheres na computação na UFBA

0 sem comentários ainda Ninguém está seguindo este artigo ainda. 17 visualizações
Licenciado sob CC (by)

Nos últimos anos, a área de computação tornou-se um campo predominantemente masculino. Esta problemática é notória inclusive nos cursos de graduação em computação oferecidos pelo Departamento de Ciência da Computação na Universidade Federal da Bahia (UFBA), nos quais a taxa de participação feminina, de acordo com dados de dezembro de 2016, é de aproximadamente 10,7% no Bacharelado em Ciência da Computação, 15,3% na Licenciatura em Computação e 15,8% no Bacharelado em Sistemas de Informação. Nos cursos de pós-graduação as taxas são de aproximadamente 21,1% para o Mestrado em Ciência da Computação e 24,1% no Doutorado em Ciência da Computação. Tal situação não difere muito em outros locais e acaba gerando uma preocupação mundial evidenciada através de estudos e iniciativas nacionais e internacionais de instituições públicas e privadas. 



Palestra no evento Vozes e Saberes de Mulheres Negras

0 sem comentários ainda Ninguém está seguindo este artigo ainda. Uma visualização
Licenciado sob CC (by-nc-sa)



meninasdigitaisBA

meninasdigitaisba

meninasdigitaisba@ufba.br