Ir para o conteúdo

De gratidão, compromisso e transformação

0 sem comentários ainda Ninguém está seguindo este artigo ainda. 4 visualizações

Tantas e tantas coisas aconteceram no último ano… algumas foram típicas “coisas da ka”, outras nem tanto. E agora, depois de quatro anos, venci a etapa da tese e logo em seguida, fiz aniversário!

Tantas e tantas coisas aconteceram no último ano… algumas foram típicas “coisas da ka”, outras nem tanto. E agora, depois de quatro anos, venci a etapa da tese e logo em seguida, fiz aniversário!

Recebi tantas felicitações e cada uma delas foi combustível para meu motorzinho cansado [licença para visão mecanicista… kkkkkkk]. Essas expressões de carinho me impulsionam!

Especialmente nesses últimos meses, tive alegrias e sofrimentos. Magoei e fui magoada. Me enganei, desenganei, e com muita luta, remédio e terapia, desencanei.

Não era o final do mundo, afinal, tudo é parte da vida.

Aprendi que as maiores lutas que travamos são conosco, por isso, é preciso atenção para não sermos nossos próprios inimigos.

Amizades novas, amizades desfeitas. Ansiedade e impaciência por todos os lados e ao mesmo tempo eu era uma ilha cercada de compreensão e amor.

Então, é disso que quero falar:

Quero falar da GRATIDÃO que me faz reconhecer cada gesto de afeto e cada auxílio que recebi. Tenho certeza de que recebi muito mais do que dei e o melhor que fiz pode ser melhorado. Seja através de palavras, de sorrisos, abraços e conselhos, ou de revisões textuais, de produções técnicas especializadas, empréstimos de grana, de tempo, empréstimo de ombros amigos eu recebi muito amor. Por isso, preciso falar de DOAÇÃO, porque de tudo que recebi, quase nada me foi exigido em troca. Eu recebi tanta gratidão, tanta doação de tantas coisas imponderáveis que nem sei se um dia poderei compensar ou retribuir à altura.

E na finalização dessa caminhada de quatro anos, quero também falar sobre PERDÃO. Não falo de perdão como ato abnegado e de sofrimento, mas como uma escolha refletida, consciente e amorosa. Perdão não leva ao esquecimento, mas ajuda a seguir em frente porque nos reconecta com o conhecimento sobre nós mesmos e com a confiança nas pessoas que estão a nossa volta. O perdão nos transforma!

O que posso fazer, então, tem a ver com COMPROMISSO pois quero ser cada vez mais merecedora de todo o amor e confiança que recebi de cada pessoa que acreditou em mim.

Eternamente grata!


Fonte: https://kamenezes.wordpress.com/2018/02/15/de-amor-compromisso-e-transformacao/

0 sem comentários ainda

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.